O que é bullying?

O bullying é conceituado como sendo um conjunto de comportamentos agressivos, intencionais e repetitivos, verbais ou físicos, adotados por um ou mais alunos contra um outro, executadas dentro de uma relação desigual de poder ou força física. O bullying ocorre sem motivação evidente, causando dor, angústia, sofrimentos, insegurança e desequilíbrio psicológico, com graves repercussões para a saúde mental e para o desenvolvimento biopsicossocial dos envolvidos.

Esse hábito condenável muitas vezes é confundido como parte do processo de crescimento do ser humano e, por isso, é ignorado. Entretanto, a cada dia aumentam as estatísticas de consequências graves decorridas da prática do bullying.

De acordo com pesquisa realizada pelo IBGE, dois em cada dez estudantes brasileiros de 13 a 15 anos admitem praticar bullying com os colegas. Aqui, ainda não existe lei federal de combate à prática.  No entanto, alguns estados já adotam leis que preveem sanções a escolas que não combaterem o bullying e também a quem o praticar.

No início de 2013, um estudante de 16 anos assassinou o colega dentro da escola após o segundo utilizar as redes sociais para chama-lo de homossexual. Esse é um exemplo dentre muitos que justificam a importância de debater e propor soluções eficientes para o tema.

É o papel de educadores e gestores de ensino se engajarem na luta contra o bullying, já que na vasta maioria das vezes ele ocorre entre jovens e dentro das escolas.

Comments

comments